Veja como comprar com segurança via internet

11/08/2011
Fonte: 
http://www.reporterdiario.com.br/Noticia/302462/compras-online-confiar-ou-nao/
Autor: 
Da Redação
Veículo de Imprensa: 
Veículo Nacional

Quem opta por realizar compras via internet tem entre as diversas vantagens, economizar tempo, evitar trânsitos, filas e gasto de dinheiro com estacionamento ou transporte coletivo. No entanto, quando não realizada com a devida segurança, essa prática pode ter como consequência o roubo de dados de cartão de crédito ou a inexistência da mercadoria comprada.

De acordo com o diretor de prevenção da Safernet, Rodrigo Nej, tornaram-se cada vez mais comum casos de links e propagandas falsas que levam consumidores a fornecer dados diante de ofertas atraentes. “O primeiro passo é observar se há o cadeado na parte inferior do navegador e nunca colocar senhas de cartões em espaços do site em questão”, explica. Nej ainda lembra que é mais confiável realizar compras em endereços virtuais que comecem com http.

O diretor do Procon de São Caetano, Alexandro Guirão, afirma que a maioria dos problemas relacionados a compras online diz respeito ao não cumprimento de ofertas ou da lei de entrega. “Várias empresas já foram autuadas por não dar opção ao consumidor de especificar data de entrega ou por passar do prazo estabelecido”, afirma Guirão. Além disso, é comum casos de encomendas que chegam com formatos ou cores diferentes das pedidas no ato da compra.

Outra alerta do diretor do Procon, é referente às promoções relâmpago, que são aquelas que prometem um preço bem abaixo do normal para as cinco ou 10 primeiras pessoas que acessarem. “Essas promoções geralmente não possuem regulamento adequado. Há poucos dias, um site de compras coletivas anunciou 57% de desconto em um único carro da BMW. Isso causou um congestionamento enorme no site e gerou uma expectativa falsa em milhares de pessoas”, afirma Guirão.

Compras coletivas

A moda agora são os sites de compras coletivas e com eles surgem diversas reclamações relacionadas à falta de informações claras e precisas. Recentemente um restaurante japonês em São Caetano colocou uma oferta em um site de compra coletiva que gerou muitas denúncias no Procon local. Segundo Alexandro, a promoção acabou vendendo muito, o que fez com que o restaurante passasse a informar regras não especificadas no site.

“Temos muito receio desse tipo de compra devido a fragilidade das regras. É um tipo de compras que proporciona uma liberdade que não condiz com o nosso sistema de defesa do consumidor”, afirma Guirão. Para evitar problemas o diretor do Procon lembra algumas dicas básicas:

· Sempre imprima a oferta, regulamento e comprovantes de compra

· Antes de comprar pesquise a localização do estabelecimento físico que realiza a oferta

· Preste atenção nas datas e condições especificadas

· Verifique se há condições de desistência

· Consulte no site da Fundação Procon ou nas redes sociais para verificar se existem registros de reclamações.