Olá pessoal, tudo bem?

Vocês têm idéia de quantas crianças e adolescentes estão na rede neste momento? Sabem quantas horas por dia essa galerinha passa conectada? Na maioria dos casos a resposta é “não sei”. É por isso que no post de hoje vou apresentar os dados publicados pela Safernet sobre o perfil do jovem na grande rede.

Pra começar a conversa conto pra vocês que as meninas são maioria na internet, isso mesmo, a web conta com 44% de meninos conectados contra 56% de meninas. Em contrapartida temos um empate no tempo gasto na internet; segundo pesquisa da Safernet 43,77% de todos os jovens ficam mais de 3h a fio na internet e o acesso é feito de todas as maneiras possíveis, não importa se estão em casa, na escola, no parque ou em uma Lan House.

A parte que mais me intrigou do estudo, foi à informação que quase metade dos acessos é feito fora de casa. Segundo a Safernet 48,8% dos jovens acessam a rede a partir de Lan Houses contra 48,4% de um computador em uma área comum da casa. Os acessos da escola e celulares são menos expressivos, totalizam 25% e 5,31% respectivamente.

O lado preocupante de tudo isso é que muitas crianças e adolescentes não sabem usar a internet com cautela. Pois é pessoal, a internet é uma rede aberta que reúne muitas pessoas e, em meio essa multidão, sempre existe alguém mal intencionado. O que nos preocupa ainda mais é que 32% das crianças e adolescentes nunca tiveram acompanhamento dos pais quando online, e somente 22% recorrem aos pais quando vivem situação de perigo na internet.

Esses dados só confirmam que temos ainda um longo caminho de conscientização pela frente. O espaço para os crimes virtuais só vai ser reduzido de fato quando houver um diálogo entre pais e filhos em casa, com isso, certamente notícias tristes de crianças desaparecidas após conversar pela internet serão raríssimas ou nem vão existir.

Confira o infográfico publicado pela Safernet http://bit.ly/gWvywY

Forte Abraço e até semana que vem!
Edu