Denúncias contra pedofilia podem divulgar sites impróprios, diz especialista

27/06/2011
Fonte: 
http://www.redebrasilatual.com.br/temas/cidadania/2011/06/e-preciso-denunciar-sem-divulgar-sites-improprios-diz-especialista
Autor: 
Jéssica Santos de Souza, Rede Brasil Atual
Veículo de Imprensa: 
Veículo Nacional

São Paulo – O diretor de prevenção da ONG SaferNet Brasil, Rodrigo Nejm, aconselha que os usuários denunciem os sites que contiverem conteúdos impróprios, mas tomando cuidado para evitar divulgá-los. Entre a madrugada de domingo (26) e segunda-feira (27), um blogue que continha vídeos de pedofilia virou assunto muito comentado do Twitter e colocou as hashtags #pedofilianao, #morteaopedofilo e #denunciem nos primeiros lugares do Trending Topics brasileiro. Rodrigo comenta que ao acessar e espalhar esse tipo de link, as pessoas estão "dando 'ibope' para um crime".

"Ontem a gente viu milhares de pessoas acessando o site, por curiosidade ou para tirar dúvidas. Isso acaba gerando maior exposição das vítimas. Cada pessoa que assiste aquilo é como se fosse uma nova violência", afirma Rodrigo.

A ONG SaferNet tem uma equipe de plantão para monitorar e tomar providências em casos como esse. O blog em questão estava hospedado na platafoma Blogger, do Google. Segundo Rodrigo, já foi feito um relatório sobre o crime logo após a primeira denúncia e todo o conteúdo desde blogue seguiu para investigação da Polícia Federal.

O Google também foi avisado e tirou o conteúdo do ar logo depois da denúncia. Há um termo de cooperação entre a ONG e o Google que envolve um termo de conduta com o Ministério Público Federal, assim a SaferNet sempre avisa quando está encaminhando denúncias. O Google foi procurado pela Rede Brasil Atual, mas não comentou o episódio.

Denúncias podem ser feitas no site da SaferNet.